Motorola anuncia novo Moto X, Moto G2 e o relógio Moto 360

0
1621

Em evento realizado nesta na última quarta-feira (04) em São Paulo, a Motorola Mobility anunciou as atualizações de seus bem sucedidos Moto X e Moto G2, além do tão aguardado Moto 360, relógio inteligente da empresa, sem falar no fone de ouvido Bluetooth, o Moto Hint. Tanto o novo Moto X quanto o Moto G2 já estão disponíveis para compra desde as 3 horas da manhã desta sexta-feira (05), mas quem deseja adquirir um Moto 360 ou o Moto Hint, ainda terá que aguardar um tempo, pois não há previsão para que os dispositivos cheguem ao Brasil.

Moto X

O Moto X, top de linha da Motorola, ganhou uma nova cara e componentes de respeito para acompanhar. A começar pela tela: o smartphone agora tem um display de 5,2 polegadas com tecnologia Super AMOLED e resolução Full HD. No coração dele agora bate um processador quad-core de 2,5 GHz (contra o dual-core da geração anterior), o chip Snapdragon 801 da Qualcomm. A memória RAM, por outro lado, foi mantida: a fabricante entrega os mesmos 2 GB para o usuário.

Moto-X-Divulgacao

 

A câmera também recebeu um upgrade no sensor, agora com 13 megapixels e se comporta melhor em condições desfavoráveis de luz. Além dos recursos presentes na versão anterior, ela também filma em 4K e depois de um hands-on rápido, acreditamos que não perde em nada para os tops de linha da geração atual. Infelizmente o smartphone continua não suportando cartões micro SD, mas há uma opção de modelo com 32 GB de memória interna.

O aparelho roda a versão mais recente do Android, a famoso Android KitKat, em um estado “praticamente puro”. Isso significa que o software embarcado pela fabricante no smartphone é muito semelhante daquele planejado pelo Google desde o início, com poucas personalizações. O resultado, ao que promete a Motorola, é um desempenho fluido e sem engasgos. Além disso, as atualizações do Google liberadas para o sistema tendem a chegar mais rapidamente nele do que em celulares concorrentes.

67753.100101-Evento-Moto-X

Além disso, também há os comandos inteligentes do Moto X original e algumas melhorias como a possibilidade de abrir apps, selecionar pessoas e mandar mensagens de texto sem precisar ligar a tela do aparelho utilizando exclusivamente comandos de voz. Outro recurso interessante que foi adicionado é a possibilidade de customizar o comando de ativação por voz do aparelho, que antes era “Ok, Google Now”.

Por se tratar de um top de linha, todos os recursos mais avançados (4G, NFC, DLNA e assim por diante) estão presentes, além do compromisso da Motorola em garantir atualizações para as próximas versões do Android.

Mas o que mais chama atenção nele não são as especificações nem o design, que mantém o estilo curvo e chanfrado da versão anterior, mas o cuidado que a Motorola teve com o acabamento dele. Ele está disponível com bordas em alumínio e traseiras de bambu, couro ou resina e em uma alfinetada à Samsung, a empresa afirmou que “o couro é couro mesmo, a madeira é madeira mesmo e o metal é metal mesmo”, já que a sul-coreana imita esses materiais com plástico.

Moto G2

O Moto G, xodó da companhia que carrega o título de smartphone da Motorola mais vendido de todos os tempos, também teve suas mudanças. O CEO da Motorola, Rick Osterloh, ressaltou a importância do lançamento: “No passado, apresentamos o Moto G, um smartphone excepcional com um preço excepcional. É nossa intenção levar o novo Moto G pelo mesmo caminho”.

novo_motog3

O novo Moto G é consideravelmente maior do que seu predecessor, o que é justificado pela enorme tela de 5 polegadas com resolução HD que ocupa sua parte frontal. Em relação ao som, um avanço: a segunda geração chega com dois alto-falantes, que garantem ótima qualidade de som. As câmeras foram outro quesito que evoluiu consideravelmente: a traseira agora tem 8 megapixels e a frontal 2 megapixels. A TV digital, por outro lado, só está presente na versão mais cara do novo Moto G, como veremos adiante.

novo_motog

Ele chega ainda com opções de 8 e 16 GB de armazenamento interno, expansíveis via cartão microSD de até 32 GB. O restante do hardware do aparelho é idêntico ao primeiro Moto G. Ele conta com um processador quad-core de 1,2 GHz e 1 GB de RAM, que rodam o Android KitKat. A bateria de 2.070 mAh fecha as especificações. Não foi mencionado nada sobre uma variante que ofereça suporte a nova rede 4G, o que nos faz acreditar que a companhia não irá abandonar a versão 4G do Moto G da geração anterior.

Moto 360 e Hint

A companhia reservou os últimos momentos do encontro para anunciar dois “wearables”.  O Moto 360, o relógio inteligente da Motorola e o  Moto Hint, uma espécie de microfone Bluetooth que aceita comandos por voz.

O Moto 360 utiliza o Google Now do smartphone via Bluetooth e realmente parece um relógio. Aqui a Motorola alfinetou novamente a Samsung, dizendo que o Moto 360 “não parece um smartphone de pulso, ao contrário do que algumas empresas fazem por aí”, além da compatibilidade, “já que ele funciona com qualquer Android e não com meia dúzia de aparelhos de forma limitada”.

moto3601

O Hint, um fone de ouvido Bluetooth é um fone pequeno, que pesa somente 6 gramas e possui um microfone embutido, além de trazer uma bolsa de transporte que oferece até 3 recargas sem a utilização de fios.

Hint-Divulgacao

 

Preços

 

O novo Moto X foi anunciado com o preço oficial de R$ 1.499. O preço é super atraente, principalmente se levarmos em consideração que o smartphone fará frente ao LG G3, Sony Xperia Z2 e Galaxy S5, que custam, respectivamente, R$ 2.299, R$ 2.499 e R$ 2.599. Mesmo com uma diferença de preços que chega a quase a R$ 1100 (no caso do Galaxy S5), o novo Moto X não nos pareceu perder em nada para nenhum deles.

Quanto ao Moto G2, o modelo Dual SIM com 8 GB de memória interna custará R$ 699, enquanto a versão Colors com 8 GB de armazenamento e duas capas coloridas (preta e turquesa) sairá por R$ 729. A versão mais avançada do aparelho, que vem com 16 GB de memória interna, duas capas coloridas e suporte a TV Digital, custará R$ 799.

Os valores não só são atraentes para o sucessor do aparelho que ficou conhecido pelo seu custo-benefício, como também reafirma o posicionamento da Motorola neste segmento de smartphones que custam entre R$ 700 e R$ 800.

Tanto o Moto 360 quanto o Moto Hint ainda não tem preços confirmados, mas o primeiro tem previsão parar chegar ao Brasil em outubro e o Moto Hint antes do Natal. A Motorola planeja ainda trazer o Moto Maker ao mercado brasileiro até o fim do primeiro semestre de 2015.

Deixe uma resposta